Preciso votar nas eleições do CONFEA e do CREA? Como funciona?

A sigla CONFEA significa Conselho Federal de Engenharia e Agronomia; já CREA é Conselho Regional de Engenharia e Agronomia. Mas precisamos lembrar, antes de tudo, um ‘conselho’ nada mais é do que um grupo de pessoas que se reúnem para consultar, deliberar ou tomar decisões. Ou seja, representantes ao nível federal e estadual que ajudam a regularizar, regulamentar, fiscalizar e até defender direitos de certas categorias profissionais. Nesse caso, engenharia, agronomia e suas ramificações.

Claro que precisa haver um consenso sobre quem serão essas pessoas que vão representar todo o grande grupo de profissionais, sobretudo como elas serão eleitas. E também sabe-se que, se queremos ter os nossos direitos bem representados, sem que haja parcialidade, autoritarismo e mais, é indicado que esses grupos de representantes sejam renovados de tempos em tempos. Por isso, faz-se necessário as eleições!

Pode acontecer de um mandato não nos agradar por uma série de fatores. Então, reclamamos que mudanças seriam bem-vindas. Só que como podemos fazer valer a nossa opinião se não a compartilhamos com os outros? E qual a forma mais adequada de expor aos outros os nomes daqueles que queremos que nos represente? Sim, mais uma vez, através de eleições! Isso vale também para presidência de conselhos, que aqui, no Brasil, se candidatam por meio de chapas, com direito a conselheiros e mais.

A questão da obrigatoriedade de votar dependerá da norma vigente. Por hora, os engenheiros não são obrigados a votar nas eleições do CONFEA/CREA. Porém, outros conselhos adotam posturas diferentes, como exigir a votação – presencial ou via site; e, em caso de abstenção sem justificativa, é aplicada uma multa sobre o pagamento da anuidade do próximo ano. Por isso, na dúvida, consulte o seu conselho para mais informações, inclusive se há algum planejamento de eleições para os próximos meses – por exemplo, alguns estados brasileiros terão, sim, eleições CREA em novembro deste ano. Fique ligado!